Presidente da Conmebol aceita ser extraditado aos EUA, diz jornal

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015 18:24 BRST
 

ASSUNÇÃO (Reuters) - O presidente da Confederação Sul-Americana de Futebol, Juan Angel Napout, detido na semana passada em Zurique por envolvimento em escândalo de corrupção, aceitou ser extraditado para os Estados Unidos, informou nesta segunda-feira o jornal paraguaio ABC.

O dirigente, que foi incluído na investigação da promotoria norte-americana e é acusado de fazer parte de um esquema de subornos, vai se submeter à Justiça daquele país, disse o jornal, citando fontes da defesa de Napout.

(Reportagem de Daniela Desantis)