Tribunal sul-africano concede fiança a Pistorius após condenação por assassinato

terça-feira, 8 de dezembro de 2015 08:04 BRST
 

PRETÓRIA (Reuters) - Um tribunal sul-africano concedeu fiança nesta terça-feira ao medalhista paralímpico Oscar Pistorius após ele ser condenado pelo assassinato de sua namorada, Reeva Steenkamp, em 2013, à medida que o juiz disse que o atleta não apresentava risco de fuga.

A Suprema Corte revisou na semana passada a sentença do atleta de 29 anos de homicídio culposo, para a qual recebeu uma sentença de cinco anos de prisão, para assassinato, com pena mais pesada.

Conhecido por "Blade Runner" por conta das próteses de fibra de carbono que usava para correr, Pistorius agora enfrenta um mínimo de 15 anos de prisão pelo assassinato da namorada. Uma nova sentença será apresentada no futuro.

(Reportagem de TJ Strydom)

 
Medalhista paralímpico Oscar Pistorius em tribunal em Pretória.  08/12/2015   REUTERS/Herman Verwey/Pool