Equipe de tênis de mesa da China busca disciplina militar para Rio 2016

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015 12:43 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - A equipe de tênis de mesa da China iniciará treinamentos em uma base do Exército este mês em preparação para a Olimpíada do Rio de Janeiro do ano que vem, esperando com isso obter disciplina militar para os Jogos, relatou a agência estatal de notícias Xinhua nesta sexta-feira.

"O treinamento militar é uma maneira de fortalecer a unidade da equipe e aprimorar sua força de vontade", disse o técnico, Liu Guoliang, ex-competidor olímpico e campeão mundial de tênis de mesa, à Xinhua.

O time chinês passou a treinar em instalações militares alguns anos atrás, e desde então a prática virou tradição para a potência asiática, que conquistou as quatro medalhas de ouro da modalidade nos Jogos de Londres de 2012.

O campo de treinamento deste ano, concebido para os jogadores da equipe principal, irá acontecer entre 22 e 28 de dezembro na gelada província de Liaoning, no nordeste chinês. O restante do time irá ficar em Pequim e treinará na capital, acrescentou a reportagem.

"Para a China, potência do tênis de mesa, uma competição é de certa forma como uma guerra que precisa ser vencida. Por isso, o país sempre molda seu esquadrão de tênis de mesa como um Exército, literalmente", afirmou a Xinhua.

(Por Ben Blanchard)

 
Chinês Ma Long durante campeonato em Suzhou, na China.   03/05/2015  REUTERS/Aly Song