Alfa Romeo pode voltar à Fórmula 1, afirma Marchionne

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015 18:02 BRST
 

(Reuters) - A Fiat Chrysler pode levar a marca Alfa Romeo de volta à Fórmula 1 como concorrente da Ferrari, disse o presidente-executivo Sergio Marchionne nesta segunda-feira.

"É incrível como a marca Alfa permanece no coração das pessoas", afirmou Marchionne, que também é presidente da Ferrari, a repórteres em uma coletiva de imprensa de fim de temporada na sede da equipe italiana, em Maranello.

"Por isso mesmo estamos pensando em trazê-la de volta, como nossa concorrente, às corridas, à Fórmula 1. É importante para Alfa retornar."

Os carros vermelhos da Ferrari já carregavam a marca Alfa Romeo nesta temporada.

Houve também discussões com a Red Bull, que nunca chegaram a ser concretizadas, sobre a possibilidade de usar motores da Ferrari com a marca Alfa Romeo no próximo ano. Mas a Red Bull decidiu continuar com um motor fornecido pela Renault.

A Ferrari deve fornecer motor a três equipes --Sauber, Haas e Toro Rosso-- na próxima temporada, embora a última vá utilizar uma versão de 2015.

Os dois primeiros campeonatos de Fórmula 1, em 1950 e 1951, foram vencidos pelo italiano Giuseppe "Nino" Farina e o argentino Juan Manuel Fangio em carros da Alfa Romeo.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
Marchionne durante entrevista na bolsa de Nova York 21/10/2015 REUTERS/Lucas Jackson