February 17, 2017 / 11:50 AM / 5 months ago

Concacaf irá discutir sobre candidatura conjunta para Copa de 2026; muro de Trump não é problema

3 Min, DE LEITURA

Presidente da Concacaf, Victor Montagliani, durante evento na Cidade do México. 12/05/2016Henry Romero/Files

MIAMI (Reuters) - A Concacaf irá discutir uma possível candidatura conjunta para a Copa do Mundo de 2016 e o presidente do órgão disse na quinta-feira que um muro planejado na fronteira entre México e Estados Unidos não será um obstáculo para uma sede em conjunto do evento.

Victor Montagliani, falando à Reuters por telefone horas após a Fifa dizer que irá apoiar uma sede conjunta para a Copa do Mundo de 2026, disse que uma candidatura entre Estados Unidos, México e Canadá é uma opção, mas não descartou sediar os jogos na América Central ou no Caribe.

Para Montagliani, chefe do órgão que comanda o futebol na América Central, do Norte e Caribe, a recepção da Fifa sobre candidaturas em conjunto e a expansão do torneio de 32 para 48 seleções em 2016 significa que uma candidatura multinacional faz sentido.

"Especialmente com 48 seleções e a infraestrutura aumentada que isto necessita, não só de um ponto de vista de estádios, mas centros de treinamentos, hoteis e todas as outras coisas, ter a oportunidade com três ou mais países que são geograficamente próximos, seria sensato", disse.

"Provavelmente em curto prazo, aqui na Concacaf, iremos sentar em uma mesa e ver como iremos seguir em frente".

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, disse anteriormente na quinta-feira que a organização irá encorajar candidaturas para sedes multinacionais e que o evento pode ser dividido entre até quatro países.

Montagliani, quando perguntado se um torneio expandido, com 80 jogos, significa que há uma possibilidade para que alguns jogos da fase de grupos sejam realizados na América Central ou Caribe, disse que tudo é possível.

"Você precisa olhar para a economia também, pesar o custo-benefício, mas acho que as possibilidades são infinitas, para ser honesto com você, quando você tem tantos jogos", disse Montagliani. "Você não pode fechar a porta em nenhuma oportunidade."

A Copa do Mundo de 2018 será realizada na Rússia, enquanto o Catar recebe a competição em 2022.

A região da Concacaf é amplamente vista como favorita para receber o torneio de 2026, à medida que regras da Fifa restringem Europa e Ásia de receberem a competição tão cedo.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below