Ferrer elimina Murray e enfrentará Djokovic nas quartas de Xangai

quinta-feira, 9 de outubro de 2014 14:47 BRT
 

XANGAI (Reuters) - O quinto cabeça de chave David Ferrer eliminou o escocês Andy Murray na terceira rodada do Masters de Xangai nesta quinta-feira em parciais de 2-6, 6-1 e 6-2 e enfrentará o número um do mundo, Novak Djokovic, nas quartas de final.

A vitória de Ferrer aumenta suas oportunidades de se classificar para o torneio que encerra a temporada, o ATP World Tour Finals em Londres em novembro, se ele passar por Djokovic, que derrotou o casaque Mijail Kukushkin por 6-3, 4-6 e 6-4.

Murray, número 11 do ranking, quase não teve problemas no primeiro set e parecia a caminho das quartas de final, mas Ferrer protagonizou uma virada brilhante quebrando o serviço do britânico em duas ocasiões para levar o segundo set e empatar a partida.

O espanhol já liderava em 5-2 no último set quando o bicampeão Murray mandou uma bola na rede.

Com o resultado, Ferrer substitui Murray na nona melhor colocação do ano e chega mais perto dos oito que disputam o evento londrino.

"Precisava jogar meu melhor tênis hoje", declarou Ferrer no site da ATP World Tour (www.atpworldtour.com). "Acho que esta era uma partida muito importante para os dois jogadores, e foi uma grande vitória", afirmou.

Murray, que foi só elogios ao adversário, disse não ter decidido onde irá competir agora, mas almeja acumular pontos para se classificar para o ATP Finals pelo sétimo ano consecutivo.

Em outras partidas, o espanhol Feliciano López derrotou o norte-americano John Isner em 6-3 e 6-4 e o russo Mikhail Youzhney bateu o argentino Juan Mónaco em três sets de 5-7, 6-3 e 6-2.

(Por Amlan Chakraborty)

 
David Ferrer comemora vitória sobre Murray em Xangai.   REUTERS/Aly Song