19 de Novembro de 2014 / às 12:12 / 3 anos atrás

ENTREVISTA-Dunga está no caminho certo para reparar trauma da Copa, diz Ronaldo

Ex-atacante Ronaldo durante coletiva de imprensa no Rio de Janeiro. 10/10/2013.Sergio Moraes

LONDRES (Reuters) - O técnico Dunga enfrenta uma batalha árdua para reparar o trauma da seleção brasileira na Copa do Mundo, mas parece, pelo menos por enquanto, que está seguindo o caminho certo, de acordo com o ex-atacante Ronaldo. 

Dunga substituiu Luiz Felipe Scolari no comando da seleção após o vexame do Brasil na Copa do Mundo em casa, em julho, quando o país sofreu uma humilhante derrota por 7 x 1 para a Alemanha na semifinal.

O Brasil ainda perdeu a disputa pelo terceiro lugar por 3 x 0 contra a Holanda.

“É cedo para ver qualquer mudança na seleção brasileira”, disse Ronaldo em entrevista à Reuters em entrevista. “Foi muito difícil esquecer a Copa do Mundo e a derrota contra a Alemanha."

“Eu sei que Dunga tem um trabalho muito difícil para fazer, de trazer alguma confiança aos jogadores", acrescentou.

Dunga foi anteriormente técnico do Brasil de 2006 a 2010, vencendo a Copa América de 2007 e a Copa das Confederações de 2009, mas foi demitido após a derrota para a Holanda nas quartas de final da Copa do Mundo de 2010.

Desde que substituiu Felipão, em julho, sua seleção venceu todas as seis partidas amistosas disputadas, incluindo o 2 x 1 sobre a Áustria na terça-feira. 

Ele precisou lidar com uma controvérsia devido à decisão de nomear Neymar como novo capitão, no lugar de Thiago Silva, que reclamou por não ter sido avisado pelo técnico sobre a decisão. 

Mas Ronaldo, campeão do mundo em 1994 e 2002 pela seleção e que marcou 62 gols em 98 partidas com a camisa do Brasil, pensa que Neymar, de 22 anos, se provará um bom líder para a equipe.

“Eu acho que é bom ter Neymar porque ele está em grande forma”, disse Ronaldo em um evento da Poker Stars, em Londres.

“A história no Brasil é que o técnico escolhe jogadores que têm bastante liderança. Mas acho que Thiago Silva é um grande capitão também, então não vejo problema”, afirmou.

Ronaldo disse esperar que Neymar seja um dos três finalista da Bola de Ouro da Fifa, que serão anunciados em 1º de dezembro. 

O ex-jogador, de 38 anos e que foi eleito o melhor do mundo três vezes, no entanto, acredita que Cristiano Ronaldo ficará à frente do argentino Lionel Messi e vencerá o prêmio, quando o vencedor for anunciado em 12 de janeiro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below