November 29, 2014 / 3:17 PM / 3 years ago

Iniesta, do Barcelona, é liberado para enfrentar o Valência

3 Min, DE LEITURA

BARCELONA, Espanha (Reuters) - O meio-campista do Barcelona Andres Iniesta se recuperou de uma contusão na panturrilha e foi liberado para enfrentar o Valência, no domingo, pelo Campeonato Espanhol, mas o clube será cauteloso e não irá apressar o retorno do jogador, afirmou o técnico Luis Enrique neste sábado.

Iniesta, que está fora de ação desde o clássico com o Real Madrid, também pelo Espanhol, no fim de outubro, está “em boa forma”, disse Luis Enrique durante entrevista coletiva.

No entanto, o treinador advertiu que era importante ser “cuidadoso” com o craque da seleção espanhola e do Barça, sugerindo que é improvável que Iniesta esteja na lista de titulares para o jogo diante do Valência, no estádio Mestalla.

“Ele melhorou claramente e voltou a treinar com seus colegas de time nos últimos dias”, declarou Luis Enrique.

“Eu sempre vou sentir a falta de um jogador afastado por contusão e se é o Iniesta, mais ainda”, acrescentou o técnico, ex-meio-campo do Barça e da Espanha.

Com 12 partidas disputadas, o Barça ocupa o segundo lugar da tabela, dois pontos atrás do líder Real, que irá estabelecer o recorde de 16 vitórias consecutivas, somando-se as competições que disputa atualmente, se vencer o Málaga neste sábado.

Atual campeão espanhol, o Atlético de Madri, que está dois pontos atrás do Barça, em terceiro, e dois à frente do quarto colocado Valência, recebe o Deportivo La Coruña, no domingo.

Luis Enrique afirmou que a decisão de operar o zagueiro Thomas Vermaelen, para corrigir uma contusão persistente na coxa, provavelmente não obrigaria o clube a contratar um substituto para o belga na próxima janela internacional de transferência, em janeiro.

Vermaelen, que sofreu a lesão no jogo contra a Rússia na Copa do Mundo, em junho, ainda não estreou no time principal desde sua transferência do Arsenal e sua contratação se transformou em um constrangimento para a diretoria do Barça.

A expectativa é de que ele fique fora de quatro a cinco meses.

“Contusões são normais no futebol profissional por se tratar de um esporte com contato físico e muito duro”, disse Luis Enrique.

“Acreditamos que a cirurgia é a melhor solução, então ele poderá se recuperar e nos ajudar... Não temos dúvidas de que ele tem muito a nos oferecer. Não há intenção de reforço para essa posição”, conclui o técnico.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below