Djokovic derrota Gasquet com maestria e alcança a final de Wimbledon

sexta-feira, 10 de julho de 2015 12:15 BRT
 

Por Martyn Herman

LONDRES (Reuters) - O primeiro cabeça de chave de Wimbledon, Novak Djokovic, acabou com as esperanças do francês Richard Gasquet de chegar pela primeira vez na carreira a uma final de Grand Slam com uma vitória por 7-6(2), 6-4 e 6-4 na semifinal do torneio londrino, nesta sexta-feira.

Gasquet empolgou o público sob o sol da Quadra Central com uma série de lances bonitos, em especial com sua elegante esquerda com uma mão só que o ajudou a derrotar o campeão de Roland Garros, Stan Wawrinka, nas quartas de final, mas Djokovic foi mais consistente.

Apesar de precisar receber atendimento para dores no ombro durante o segundo set, o atual campeão em Londres garantiu sua presença pela quarta vez na final da competição sem ter sido realmente ameaçado.

Gasquet, 21º pré-classificado, começou a partida tendo o serviço quebrado, mas conseguiu devolver de imediato com um winner de backhand e levou a parcial para o tiebreak. Erros da linha de base, no entanto, levaram o francês a ser derrotado por 7-2 no desempate.

Djokovic dominou o segundo set, mas ofereceu alguma esperança ao adversário no 5-4, quando esteve com 0-30 de desvantagem. O sérvio, porém, fechou a porta com golpes decisivos na hora certa.

Já certos do resultado da partida, centenas de fãs deixaram seus assentos no fim do segundo set para se recuperaram antes da outra semifinal do dia, entre o favorito da casa Andy Murray e Roger Federer. Djokovic não os deixou esperando muito, fechando a partida com uma quebra única no terceiro set.

 
Novak Djokovic contra Richard Gasquet na semifinal de Wimbledon. 10/07/2015                                 REUTERS/Adrian Dennis