Ex-Fifa Jeffrey Webb apelará acusações nos EUA

sábado, 18 de julho de 2015 17:26 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Jeffrey Webb, uma das sete autoridades de alto escalão da entidade mundial do futebol FIFA que foram presas na Suíça por acusações norte-americanas de corrupção, deve entrar com uma apelação na Justiça neste sábado, após ser extraditado para os Estados Unidos.

Ex-vice-presidente da FIFA e presidente da Federação regional de futebol CONCACAF, Webb estava agendado para apelar e enfrentar as acusações em um tribunal federal no Brooklyn, em Nova York.

O homem de 50 anos nascido nas Ilhas Cayman está entre as nove autoridades do futebol e cinco executivos acusados pelo Departamento de Justiça dos EUA por alegadamente explorar o esporte em benefício próprio através de subornos de mais de 150 milhões de dólares por mais de 24 anos.

Ele foi um dos sete presos em Zurique em 27 de maio, dois dias antes do congresso anual da FIFA, enquanto autoridades revelavam o caso que agitou o mundo do futebol.

Por email, um advogado norte-americano que representa Webb não quis fazer comentários antes da audiência deste sábado.

(Reportagem de Nate Raymond)