Alonso agradece "pequeno presente" em forma de pontos na Hungria

domingo, 26 de julho de 2015 17:59 BRT
 

BUDAPESTE (Reuters) - Fernando Alonso agradeceu o surpreendente presente em forma de pontos neste domingo, dia em que o Grande Prêmio da Hungria da McLaren foi da tristeza à maravilha no espaço de 24 horas.

O espanhol, que teve de sair e tirar seu carro da pista ao vê-lo quebrar no treino classificatório do sábado, largou em 15º e acabou terminando a prova em Hungaroring em quinto.

Seu companheiro de escuderia, Jenson Button, o 16º no grid de largada, também somou pontos ficando na nona colocação -- pela primeira vez na temporada os dois ex-campeões da McLaren conseguiram pontuar juntos em uma mesma corrida.

A soma dos pontos foi mais do que o dobro do que a McLaren, cujo início da parceria com a Honda tem sido problemático, havia obtido nas últimas nove provas.

"Foi um pequeno presente, sendo sincero, você saber que está em quinto", disse Alonso, que conquistou sua primeira vitória na Fórmula 1 no circuito húngaro com a Renault em 2003.

"A corrida foi um pouco surpreendente... caótica em partes e algumas oportunidades chegaram e nós aproveitamos. Foi fantástico para o time."

(Reportagem de Alan Baldwin)