Em guerra, Sudão do Sul irá se tornar 206º membro olímpico

terça-feira, 28 de julho de 2015 12:09 BRT
 

KUALA LUMPUR (Reuters) - O Sudão do Sul está prestes a se tornar o 206º membro da família olímpica nesta semana, informou o Comitê Olímpico Internacional (COI) nesta terça-feira, apesar dos intensos combates em curso no país africano.

A Sessão do COI irá decidir sobre o ingresso do Sudão do Sul em uma votação no domingo após recomendação entregue pelo conselho executivo nesta terça-feira, disse o porta-voz da entidade, Mark Adams.

"A Olimpíada tem a ver com a supressão das distâncias, com a construção de pontes entre comunidades. Este é um grande sinal para se enviar a uma região conturbada", declarou Adams aos repórteres.

Milhares de pessoas morreram e mais de 2,2 milhões ficaram desabrigadas desde que o conflito começou em dezembro de 2013 entre o governo do presidente Salva Kiir e rebeldes comandados por Riek Machar.

Os dois lados se acusaram de abusos de direitos humanos e matança indiscriminada, muitas vezes cometida com motivações étnicas.

O maratonista sul-sudanês Guor Marial competiu na Olimpíada de Londres de 2012, mas o fez sob a bandeira olímpica já que se recusou a correr pelo Sudão e o Sudão do Sul ainda não era membro do COI.

    Assim que o país for oficializado no COI, pode enviar uma delegação para a Olimpíada do Rio de Janeiro em 2016 com sua própria bandeira.

(Por Karolos Grohmann)