Sudão do Sul se torna o 206º membro olímpico e pode participar do evento no Rio

domingo, 2 de agosto de 2015 10:40 BRT
 

KUALA LUMPUR (Reuters) - O Sudão do Sul tornou-se o 206º membro da família olímpica na sexta-feira depois que o Comitê Olímpico Internacional aprovou sua inclusão, apesar dos combates em curso no país africano.

O país agora poderá competir nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016 sob sua própria bandeira e planeja enviar uma equipe de quatro pessoas.

"Estou muito contente e animado. Isto irá promover reconciliação e unidade nacional", disse o presidente do comitê olímpico do Sudão do Sul, Wilson Kuoirot.

"Ser um membro do comitê vai nos permitir enviar uma equipe para os Jogos Olímpicos do próximo ano. Neste momento, temos quatro atletas, todos em treinamento no Quênia."

O reconhecimento unânime do Comitê Olímpico do país arrancou aplausos dos membros do COI, com autoridades sul-sudanesas visivelmente emocionadas e algumas em lágrimas.

"Deixe-me desejar-lhes um futuro muito brilhante", disse o presidente do COI, Thomas Bach. "Vamos ficar ao seu lado."

"Estamos ansiosos para recebê-los na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (em 2016). Isso vai colocar o seu país no mapa do mundo."

Milhares de pessoas foram mortas e mais de 2,2 milhões desabrigadas desde que os combates começaram, em dezembro de 2013, entre o governo do presidente Salva Kiir e os rebeldes comandados por Riek Machar.