Alonso e Button são punidos e vão para o fim do grid de largada na Bélgica

sexta-feira, 21 de agosto de 2015 16:59 BRT
 

Por Alan Baldwin

SPA-FRANCORCHAMPS, Bélgica (Reuters) - Os dois pilotos da McLaren, Fernando Alonso e Jenson Button, irão largar nas últimas posições do grid do Grande Prêmio da Bélgica no domingo por terem recebido penalidades pesadas resultantes da troca dos motores Honda de seus carros.

O espanhol Alonso recebeu uma punição de 30 posições, apesar de só 20 carros estarem na competição, e seu colega de equipe, o britânico Button, teve um castigo um pouco menos severo – 25 posições.

Os organizadores podem aumentar esse número se, como já é esperado, sua equipe tirar proveito de uma mudança no regulamento trocando os motores novamente no sábado.

Antes, quando a punição dizia respeito a mais posições do que carros na largada, essas posições restantes eram convertidas em penalidades de tempo durante a prova, mas as regras foram alteradas para que a sanção máxima seja a lanterna do grid.

Com isso, a McLaren pode usar motores à vontade sem ser punida em corridas futuras se trocar as peças sem defeito por peças novas durante o final de semana depois de já ter sofrido a penalidade máxima.

Os fiscais de prova emitiram comunicados com uma longa lista de componentes cuja substituição violava o regulamento.

A Honda recebeu permissão para usar um máximo de cinco motores por piloto, um a mais do que as outras equipes, por ser nova na categoria. As punições já eram esperadas pelos dois pilotos da McLaren, que tiveram um início de temporada infernal com sua nova parceira Honda.

 
Pilotos da McLaren Button e Alonso no GP da Espanha.  9/5/2015. REUTERS/Albert Gea