Lesão de Messi preocupa mas também motiva, diz Rakitic

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 12:27 BRT
 

BARCELONA (Reuters) - A lesão de Lionel Messi é um duro golpe para o Barcelona, mas também é uma motivação para o restante da equipe, disse o meio-campista Ivan Rakitic nesta segunda-feira, véspera da partida dos atuais campeões europeus contra o Bayer Leverkusen pelo Grupo E da Liga dos Campeões.

O atacante argentino sofreu uma lesão nos ligamentos do joelho durante a vitória sobre o Las Palmas, no sábado, pelo Campeonato Espanhol, e ficará fora de ação por cerca de oito semanas, o que coloca a responsabilidade pelos gols nos ombros de Neymar e do uruguaio Luis Suárez.

“Claro que isso nos afeta muito”, disse Rakitic em entrevista coletiva no Camp Nou quando indagado sobre a lesão de Messi. “Não ter o melhor jogador do mundo abala, mas também motiva”, acrescentou o croata. “Uma nova porta está se abrindo. Temos 100 por cento de confiança em nós mesmos, e juntos daremos conta”.

O Leverkusen deve estar respirando aliviado pela ausência de Messi, quatro vezes eleito o melhor jogador mundo, no confronto de terça-feira. Messi se tornou o primeiro jogador a marcar cinco gols em uma partida da Liga dos Campeões quando o Barça deu uma surra de 7 x 1 no time alemão nas oitavas de final do torneio de 2012.

(Por Iain Rogers)

 
Lionel Messi esperando atendimento no gramado após lesão no joelho esquerdo, no estádio Camp Nou, em Barcelona.  26/09/2015   REUTERS/Sergio Perez