Del Nero será representado por membros da CBF em reuniões da Conmebol, diz Feldman

terça-feira, 20 de outubro de 2015 11:59 BRST
 

(Reuters) - O presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Marco Polo del Nero, vai ser representado em reuniões da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) por outros membros da CBF, e não deixará seus cargos tanto na entidade continental como no comitê executivo da Fifa, disse o secretário-geral da CBF, Walter Feldman.

"Não tem essa dele sair. Continua como está e o Del Nero não está de saída", disse Feldman à Reuters pelo telefone, na noite de segunda-feira, em resposta a especulações de que o presidente da CBF seria substituído pela Conmebol na Fifa devido a ausências repetidas em reuniões recentes.

Segundo Feldman, Del Nero será representado nos encontros da Conmebol por Fernando Sarney, um dos vice-presidentes da entidade, e por Reinaldo Bastos, da Federação de Futebol de São Paulo e diretor da CBF.

Del Nero não deixa o Brasil desde que dirigentes ligados à Fifa foram presos em Zurique, em maio, devido a indiciamento da Justiça norte-americana por um escândalo de corrupção na entidade responsável pelo futebol mundial. Entre os presos está o ex-presidente da CBF José Maria Marin.

Para Feldman, a ausência de Del Nero dos encontros da Fifa e da Conmebol "não tem causado nenhum problema" para o dirigente. "Há uma compreensão da parte da Conmebol", disse o secretário-geral.

Segundo ele, Del Nero optou por ficar no Brasil nos últimos meses para resolver "questões relativas ao futebol brasileiro".

(Por Rodrigo Viga Gaier)

 
Presidente da CBF,  Marco Polo Del Nero. 17/09/2015 REUTERS/Sergio Moraes