Tempestade cancela 2º treino da F1 nos EUA; Rosberg lidera 1ª sessão

sexta-feira, 23 de outubro de 2015 18:52 BRST
 

AUSTIN, EUA (Reuters) - A segunda sessão de treinos livres para o Grande Prêmio dos Estados Unidos de Fórmula 1 foi cancelada nesta sexta-feira, devido a uma chuva que incluía raios e trovões.

Os fiscais de prova não conseguiram trabalhar devido aos relâmpagos e a pista ficou impossível para se dirigir. Telões ao redor do circuito aconselharam os torcedores a procurar abrigo em seus carros ou debaixo de algum lugar.

A previsão para sábado, quando acontece o treino classificatório para a corrida que pode definir o título no domingo, não é melhor, com prováveis chuvas fortes na área de Austin.

"Espero que amanhã melhore, mas a previsão não parece boa", disse o piloto Sebastian Vettel, da Ferrari. "É uma pena para as pessoas nas arquibancadas."

Mais ao sul, o México, que recebe a F1 no próximo fim de semana, se prepara para a chegada de uma das tempestades mais poderosas da história com o furacão Patricia indo em direção à costa do Pacífico.

A primeira sessão de sexta-feira também foi afetada pela chuva, embora os pilotos tenham entrado na pista. O alemão Nico Rosberg foi o mais rápido pela Mercedes.

Seu companheiro de equipe Lewis Hamilton pode garantir seu terceiro título na F1 no domingo, com três corridas de antecedência. O britânico precisa conquistar nove pontos a mais que Vettel e dois a mais que Rosberg para levar o troféu.

(Reportagem de Alan Baldwin)

 
Piloto britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, chega para sessão de treinos no Circuito das Américas em Austin, nos Estados Unidos. 23/10/2015 REUTERS/Action Images/Hoch Zwei