Em reunião no Rio, Dilma cita '10 mandamentos' para Jogos de 2016

terça-feira, 10 de novembro de 2015 21:04 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff citou em reunião nesta terça-feira com representantes da cidade do Rio de Janeiro, governo do Estado e Comitê Rio 2016 o que seriam os '10 mandamentos' da Olimpíada de 2016, que incluem o bom uso do dinheiro público e a garantia de que não haverá elefantes brancos após os Jogos.

As declarações da presidente foram captadas durante período da reunião fechada em que cinegrafistas e fotógrafos registravam a presença de Dilma no local.

De acordo com o Comitê Rio 2016, a lista com os '10 mandamentos' foi entregue pelo prefeito do Rio, Eduardo Paes, e lida pela presidente.

Os mandamentos mencionados pela presidente incluem ainda a proibição de gastos com estádios mais do que é empenhado pelos governos em saúde e educação.

“O primeiro mandamento é: deixarás legado para população de toda a cidade; segundo: atrairás investimento e viabilizarás melhorias para cidade mesmo sem ligação com evento; terceiro: priorizarás áreas mais carentes e população mais pobre; quarto: não gastarás mais em estádios do que em obras, principalmente em saúde e educação; quinto: entregarás mais que te comprometeste”, disse ela a uma plateia onde estavam Paes, o governado do Estado, Luiz Fernando Pezão, e líderes do Comitê Rio 2016.

“Sexto mandamento: não desperdiçarás dinheiro público; sétimo: compartilharás a maior parte dos custos com a iniciativa privada; oitavo: entregarás uma cidade melhor para os cariocas após os Jogos… entregarás as obras no prazo e décimo: privilegiarás estruturas simples e não deixarás elefantes brancos”, afirmou Dilma, que foi aplaudida efusivamente pelo público após a leitura dos mandamentos.

A presidente deixou a reunião no Comitê Rio 2016 sem dar entrevistas.

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)