Jogo entre Alemanha e Holanda é cancelado por temor de ataque

terça-feira, 17 de novembro de 2015 18:07 BRST
 

HANOVER, Alemanha (Reuters) - Um jogo amistoso entre as seleções de futebol de Alemanha e Holanda, em Hanover, foi cancelado nesta terça-feira menos de duas horas antes do início por temor de um ataque a bomba, informou a polícia alemã.

O chefe policial de Hanover, Volker Kluwe, disse à emissora estatal ARD que as autoridades levaram a sério indicações de um ataque planejado com explosivos, mas não deu mais detalhes.

"Os visitantes (torcedores), que já estavam no estádio naquele momento, foram orientados a deixar o estádio sem entrar em pânico", afirmou a polícia em um breve comunicado.

Após os ataques de sexta-feira em Paris, as medidas de segurança em Hanover eram rígidas. A chanceler alemã, Angela Merkel, estaria presente no estádio com o vice-chanceler Sigmar Gabriel e ministros do governo, em uma demonstração de solidariedade à França.

"Fomos reencaminhados em nosso caminho para o estádio e estamos agora em uma área segura", disse o porta-voz da equipe alemã Jens Grittner no Twitter.

Duas ministras do governo holandês que assistiriam ao jogo - a ministra da Defesa Jeanine Hennes e a ministra da Saúde e Desporto Edith Schippers- estavam a caminho do aeroporto para voltar para casa.

A campeã mundial Alemanha inicialmente não queria que a partida fosse realizada, depois de ter jogado contra a França em Paris na sexta-feira, durante uma onda de ataques que atingiu a cidade, matando 129 pessoas.

Cerca de 80 alemães, incluindo jogadores, treinadores e funcionários, passaram a noite escondidos nos vestiários do estádio Stade de France, enquanto ocorriam ataques em toda a capital francesa, antes de sair direto para o aeroporto na manhã de sábado.

Mas os jogadores, treinadores e também a associação nacional de futebol decidiram ir em frente com o jogo em uma demonstração de união com os franceses.

(Por Karolos Grohmann, com reportagem adicional de Andrew Deutsch em Amsterdã)

 
Polícia atua do lado de fora do estádio em Hanover após cancelamento de amistoso entre Alemanha e Holanda. 17/11/2015 REUTERS/Morris Mac Matzen