Milhares de peixes mortos aparecem na Baía da Guanabara, no Rio

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016 19:56 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Milhares de peixes mortos tomaram nesta quarta-feira o litoral da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, num local não muito distante de onde serão realizados eventos dos Jogos Olímpicos deste ano na cidade, disseram autoridades ambientais.

O incidente é o mais recente envolvendo a qualidade da água na baía, onde acontecerão provas de vela, maratona aquática e triatlon durante os Jogos em agosto.

"Os técnicos constataram a presença de lixo na água e na areia da praia e quantidade considerável de peixes mortos da mesma espécie, sardinha 'boca-torta'", disse o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) em comunicado.

"Esta espécie, por seu baixo valor comercial, costuma ser objeto de descarte por barcos comerciais pesqueiros, conforme já verificado nesta mesma região em outras ocasiões."

Além do lixo que flutuava no litoral, o Inea disse que seus técnicos não constataram "outras anormalidades visuais na água. O Inea informou que foram coletadas amostras da água para testes laboratoriais e o resultado será divulgado em cinco dias.

Quando o Rio de Janeiro se candidatou para sediar os Jogos de 2016, a cidade disse que reduziria em 80 por cento o total de esgoto in natura lançado na baía, mas já confirmou que não conseguirá atingir essa meta.

No ano passado, um relatório independente apontou a existência de níveis perigosos de vírus e bacterias nas águas da Baía de Guanabara.

(Reportagem de Andrew Downie)

 
Peixes mortos na Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro. 13 de janeiro de 2016. REUTERS/Ricardo Moraes