Rio corta arquibancada flutuante da Lagoa e reduz arena do vôlei de praia

terça-feira, 19 de janeiro de 2016 15:32 BRST
 

Por Andrew Downie

SÃO PAULO (Reuters) - As arquibancadas para as competições de remo e vôlei de praia da Olimpíada do Rio de Janeiro serão reduzidas devido a cortes de gastos para evitar um estouro no orçamento, informou o comitê organizador Rio 2016 nesta terça-feira.

O número de voluntários também foi reduzido de 70 mil para 50 mil, e o total de carros caiu em torno de 20 por cento, para 4 mil, disse o diretor de Comunicação do Rio 2016, Mario Andrada, a repórteres.

As medidas foram tomadas após quatro semanas de negociações entre os organizadores, o Comitê Olímpico Internacional (COI) e as federações esportivas ao redor do mundo sobre a melhor forma de cortar gastos e garantir que a primeira Olimpíada da América do Sul não tenha custos acima do previsto.

"Cortamos serviços e fizemos algumas correções importantes", disse Andrada. "Temos um orçamento equilibrado, com algumas soluções criativas. Muitos dos Jogos futuros serão inspirados no que fazemos hoje".

O Brasil sofre atualmente uma das piores crises econômicas em décadas, com recessão no ano passado e previsão para o mesmo neste ano.

Os organizadores dos Jogos não informaram o número exato de assentos perdidos na reformulação das arenas de vôlei de praia e remo, uma vez que os detalhes ainda estão sendo finalizados, mas o plano de construção de uma arquibancada flutuante na Lagoa Rodrigo de Freitas foi abandonado.

Com a parte flutuante, a capacidade total das arquibancadas da Lagoa seria de 14 mil pessoas, de acordo com números oficiais. A arena de vôlei de praia, que será construída na praia de Copacabana, tinha capacidade para cerca de 12 mil pessoas originalmente.

Os organizadores também concordaram em reduzir instalações dos bastidores e adiar a data em que assumirão certos locais. Algumas arenas possuem áreas separadas para segurança, árbitros e dirigentes, e estas serão reduzidas ou transferidas para tendas.

O comitê organizador também anunciou nesta terça-feira que irá realizar uma nova etapa de vendas de ingressos para a Olimpíada em seu site oficial a partir de quinta-feira, disponibilizando mais de 500 mil entradas.

Estarão disponíveis ingressos para as cerimônias de abertura e encerramento, assim como finais e semifinais de esportes como basquete, tênis e vôlei de praia, segundo o comitê.

 
Remadores treinam na Lagoa Rodrigo de Freitas, onde vão acontecer as provas de remo da Olimpíada do Rio de Janeiro. 07/08/2015 REUTERS/Ricardo Moraes