Federer bate Goffin e segue nas quartas de final do Aberto da Austrália

domingo, 24 de janeiro de 2016 13:45 BRST
 

Por Greg Stutchbury

MELBOURNE (Reuters) - O quatro vezes campeão Roger Federer não estava com muita disposição para estender seu domingo para segunda-feira ao participar das quartas de final do seu 47º Grand Slam com uma vitória de 6-2 6-1 6-4 na partida contra o belga David Goffin na quarta rodada do Aberto da Austrália.

A partida de Federer foi a última principal na Rod Laver Arena neste domingo, mas devido ao demorado confronto de cinco sets entre Novak Djokovic e Gilles Simon, sua partida com Goffin iniciou às 22h48 do horário local.

Federer disse não estar surpreso com os problemas enfrentados pelo número 1 contra Simon e porque ele demorou quatro horas e 32 minutos para subjugar o francês teimoso.

"Ele (Simon) joga cada partida assim. Ele faz você perder. Ele faz você ir para as linhas e corre e joga muitas bolas baixas", disse Federer a repórteres. "Muitos pontos acabam em erros".

Federer, no entanto, não estava preparado para permitir que Goffin, de 25 anos, que liderou seu país na Copa Davis do ano passado contra a Grã-Bretanha, tivesse tal margem de manobra no início da partida entre ambos.

O suíço deu o tom no primeiro set e teve o belga na mão, forçando-o a se manter bem atrás da linha de base e o movendo em torno da quadra, para abrir onde poderia bater os vencedores.

Aos 21 minutos do primeiro set, o vencedor de 17 Grand Slams passou a sofrer apenas dois pontos e quebrou o belga duas vezes.

Ele continuou a dominar a partida, ganhando mais de 90 por cento de seus primeiros pontos da partida, selando a vitória em apenas 88 minutos.

"Fiquei surpreso de tão rápido que ele foi", acrescentou Federer.

Federer irá enfrentar agora Tomas Berdych nas quartas de final.