Djokovic sobrevive a susto na Austrália e Serena arrasa na quadra

domingo, 24 de janeiro de 2016 14:32 BRST
 

Por Nick Mulvenney

MELBOURNE (Reuters) - O sufoco de Novak Djokovic na busca da conquista do título do Aberto da Austrália parecia interminável por um curto período neste domingo, mas o número 1 do mundo, finalmente sacudiu Gilles Simon em uma maratona de quatro horas e meia para finalmente garantir seu lugar nas quartas-de-final.

Serena Williams, pelo contrário, garantiu uma reprise da decisão do título do ano passado contra Maria Sharapova ao chegar às quartas-de-final sem perder um set.

Possíveis reviravoltas andaram rondando Melbourne Park --Tomas Berdych, Agnieszka Radwanska e Carla Suarez Navarro perderam seus sets de abertura--, mas a de maior potencial foram os cinco sets de Djokovic contra Simon.

Djokovic chegou facilmente à quarta rodada sem perder um set, mantendo a forma dominante que lhe rendeu 11 títulos no ano passado, incluindo três dos quatro Grand Slams.

Simon, defensivo na linha de fundo, foi um oponente astuto, provocando 100 erros não-forçados contra o atual campeão na sua derrota de 6-3 6-7 (1) 6-4 4-6 6-3.

O francês de 31 anos absorveu o poder de Djokovic e cronometrou seus saques com perfeição para arremessá-los de volta ao sérvio.

Djokovic não ganhou cinco títulos em Melbourne Park sem ser capaz de negociar, no entanto, e afirmou sua autoridade no set final para chegar à 27ª quartas-de final sucessiva de Grand Slam.

"Honestamente não esperava fazer muitos erros não forçados. Da forma como joguei, esta é uma partida que quero esquecer", disse Djokovic.   Continuação...