Fifa quer elevar suspensão de jogador sul-coreano pego em antidoping

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016 13:17 BRST
 

ZURIQUE (Reuters) - A Fifa entrou com um recurso para que a suspensão imposta ao jogador sul-coreano Kang Soo-il por ter sido pego em um exame antidoping seja elevada para dois anos, a segunda elevação da pena depois de ele ter sido suspenso inicialmente por 15 jogos e posteriormente por seis meses depois de testar positivo no antidoping no ano passado.

Kang pediu desculpa aos torcedores e culpou um creme para crescimento de bigode após testar positivo para o esteróide anabolizante metiltestosterona em 11 de junho. Na época ele era parte da seleção sul-coreana e foi retirado imediatamente da equipe.

A Fifa está sob pressão para mostrar que pode fiscalizar o esporte e suas autoridades após um escândalo envolvendo subornos e propinas para venda de direitos de mídia e marketing para torneios de futebol.

A Associação Coreana de Futebol impôs a suspensão por seis meses em 12 de agosto, mas o Tribunal Arbitral do Esporte informou nesta terça-feira que a Fifa apelou por outra punição.

O tempo de dois anos é considerada a sanção padrão para doping não intencional sob as normas antidoping da Fifa.

(Por Brian Homewood)

 
Jogador sul-coreano Kang Soo-il  reza durante partida da Liga dos Campeões da Ásia em foto de 2011. 15/03/2011 REUTERS/Mick Tsikas