Procuradores suíços abrem procedimentos criminais contra Valcke

quinta-feira, 17 de março de 2016 17:02 BRT
 

ZURIQUE (Reuters) - O ex-secretário-geral da Fifa Jérôme Valcke está enfrentando procedimentos criminais pelo gabinete do Procuradoria Geral da Suíça, informou a agência da lei em comunicado nesta quinta-feira.

Valcke é suspeito de má gestão criminosa e outros crimes, disse o gabinete do procurador-geral da suíça Michael Lauber em comunicado. Em fevereiro, Valcke foi banido por 12 anos pelo comitê de ética da Fifa, que disse que o ex-dirigente causou "danos financeiros consideráveis" à organização.

O gabinete de Lauber informou que os procedimentos foram respostas às duas queixas criminais contra Valcke em relação a questões investigadas pelo comitê de ética.

Buscas foram realizadas na quinta-feira, mas Valcke não foi preso, de acordo com os procuradores.

(Reportagem de John Miller)

 
Ex-secretário-geral da Fifa Jérôme Valcke durante evento na Rússia.    10/06/2015      REUTERS/Maxim Zmeyev