Higuaín marca, é expulso e Napoli é derrotado pela Udinese

domingo, 3 de abril de 2016 13:07 BRT
 

MILÃO (Reuters) - O atacante Gonzalo Higuaín marcou seu 30º gol na temporada, mas depois foi expulso e teve de ser contido por seus colegas de equipe na derrota do Napoli por 3 x 1 fora de casa diante da Udinese neste domingo, em um resultado que abalou as chances da equipe de conquistar o título.

O argentino aparentemente empurrou o árbitro da partida depois de receber o segundo cartão amarelo aos 30 minutos do segundo tempo e, tomado de raiva, foi contido por jogadores e comissão técnica do Napoli, que o tiraram do gramado.

O meio-campista Bruno Fernandes fez um gol de pênalti e desperdiçou uma outra cobrança de penalidade máxima, além de marcar um gol de cobertura para a Udinese, ao passo que o Napoli ficou seis pontos distante da líder Juventus, que venceu o Empoli por 1 x 0 no sábado. Faltam sete partidas para o fim do campeonato.

Cyril Thereau fez o terceiro da Udinese, de voleio após falha da defesa do Napoli.

Higuaín, que recebeu o segundo cartão amarelo por uma entrada em Felipe, pode agora enfrentar uma longa suspensão, que pode ser um duro golpe nos sonhos do Napoli de conquistar seu primeiro título italiano desde 1990.

O Napoli também teve seu técnico, Maurizio Sarri, expulso por conta de uma discussão no primeiro tempo.