Wada suspende único centro antidoping da África para reforma

terça-feira, 3 de maio de 2016 16:12 BRT
 

CIDADE DO CABO (Reuters) - A Agência Mundial Antidoping (Wada) suspendeu a certificação do único laboratório da África para testes de amostras de sangue e urina de atletas por cinco meses enquanto moderniza as instalações.

Amostrar serão enviadas ao Catar neste período.

A diretora de comunicação da University of Free State, Lacea Loader, disse à Reuters que o laboratório não planeja recorrer da suspensão, à medida que o fechamento foi planejado pela Wada para permitir que a instalação modernize equipamentos e dê mais treinamentos aos funcionários.

"Foi uma decisão amigável feita com a Wada", disse. "O laboratório será reaberto assim que os passos necessários forem tomados."

A Wada informou em comunicado que a suspensão cobre todos os testes antidoping, incluindo análises de amostras de urina e sangue.

"Durante o período de suspensão, amostras precisam ser transportadas de forma segura para outro laboratório certificado pela Wada, garantindo que atletas possam ter total confiança na alta qualidade das amostras e do sistema antidoping", disse a Wada em comunicado.

O laboratório informou em comunicado que não era possível modernizar seus serviços caso ainda estivesse realizando trabalhos diários.

(Reportagem de Nick Said)