Djokovic atropela Thiem e chega à final de Roland Garros; Murray vence Wawrinka

sexta-feira, 3 de junho de 2016 14:00 BRT
 

Por Julien Pretot

PARIS (Reuters) - Novak Djokovic mostrou seu lado imbatível e alcançou a final do Aberto da França ao derrotar o novato austríaco Dominic Thiem por 6-2, 6-1 e 6-4, nesta sexta-feira, chegando mais perto do único título de Grand Slam que ainda não possui em sua coleção.

O sérvio número 1 do mundo venceu confortavelmente Thiem, de 22 anos, e jogará uma final de peso contra o britânico Andy Murray, que derrotou na outra semfinal o atual campeão de Roland Garros, Stan Wawrinka, por 6-4, 6-2, 4-6 e 6-2.

Djokovic, que jogará sua quarta final de Roland Garros, não perdeu tempo nos dois primeiros sets, mostrando sua superioridade em relação ao novato.

O austríaco abriu uma vantagem de 3-0 com seu poderoso backhand de mão única, mas então voltou à Terra, à medida que o 11 vezes campeão de torneios do Grand Slam fechou cinco games seguidos antes de ganhar a partida.

"Não comecei este torneio da maneira que queria, mas hoje joguei minha melhor partida do torneio", disse Djokovic. "Sonhei o ano inteiro em alcançar a final de Roland Garros".

Apesar de arrancar alegrias da torcida com bons pontos e alguns forehands bonitos, Thiem possuía pouca experiência para derrotar Djokovic.

"Tive que jogar meu melhor tênis em alguns momentos", acrescentou o sérvio.