Pilotos da Air France entram em greve no dia 2º dia da Eurocopa

sábado, 11 de junho de 2016 10:24 BRT
 

Por Dominique Vidalon e Chine Labbé

PARIS (Reuters) - Os pilotos da Air France anunciaram neste sábado o início de uma greve de quatro dias para protestar contra cortes salariais, o que pode dificultar a locomoção dos fãs de futebol para assistir aos jogos da Eurocopa, iniciada há dois dias na França.

Parte do grupo franco-holandês, a Air France informou estimar que cerca de 25 por cento de seus pilotos vão aderir à greve. O sindicato da categoria, SNPL, calcula que 70 por cento dos pilotos não devam aparecer.

"Ouvi esta manhã o presidente do SNPL dizendo que 70 por cento dos pilotos iria aderir ao movimento, o que não é o caso. Nossa estimativa hoje é de que 25 por cento dos pilotos estão tomando parte do protesto", disse o presidente-executivo da empresa, Frédéric Gagey, à rádio RTL.

A Air France divulgou um comunicado neste sábado informando que a empresa estava operando 83 por cento dos voos - 93 por cento dos de longa distância de Paris, 91 por cento de seus vôos domésticos e 73 por cento dos voos de média distância de e para o aeroporto de Paris, Charles de Gaulle.

No domingo, a Air France espera que 27 por cento dos pilotos estejam em greve e que seja possível operar quase 80 por cento de seus voos.