Messi anuncia aposentadoria da seleção da Argentina após derrota na Copa América

segunda-feira, 27 de junho de 2016 07:48 BRT
 

Por Larry Fine

EAST RUTHERFORD, Nova Jersey (Reuters) - Lionel Messi anunciou que irá se aposentar da seleção argentina após a derrota nos pênaltis para o Chile na final da Copa América Centenário, na noite de domingo, na quarta derrota consecutiva em finais do atacante do Barcelona pela seleção.

Messi, cinco vezes eleito o melhor jogador do mundo, chutou para fora na primeira cobrança da Argentina na disputa de pênaltis, depois que o jogo terminou 0 x 0, e sentou no gramado chorando.

"É duro, não é momento de análises No vestiário pensei que esse é o final para mim na seleção, não é para mim", disse após a partida.

"É como eu me sinto agora, é uma grande tristeza, mais uma vez, e perdi um pênalti que era muito importante", afirmou.

"Tentei muito ser campeão com a Argentina. Mas não aconteceu. Não consegui", acrescentou.

Messi participou de três finais da Copa América, em 2007, 2015 e 2016, e da final da Copa do Mundo de 2014, no Brasil, e foi derrotado em todas. A Argentina não conseguiu marcar gols em todas as quatro partidas.

A decisão do jogador de 29 anos, que superou Gabriel Batistuta como maior artilheiro da seleção argentina na semana passada, foi um duro golpe para seus companheiros de equipe, que disseram esperar que esta não seja a decisão final do camisa 10.

 
Argentino Lionel Messi após perder pênalti na final da Copa América Centenário, nos EUA.    26/06/2016      Adam Hunger-USA TODAY Sports