Argentina será competitiva sem Messi, diz Crespo

sábado, 16 de julho de 2016 14:51 BRT
 

Por Shravanth Vijayakumar

CHENNAI (Reuters) - A Argentina irá lutar por títulos importantes, apesar da aposentadoria de Lionel Messi do futebol internacional após a decepção na final da Copa América, quando errou o pênalti e perdeu para o Chile no mês passado, disse o ex-atacante argentino Hernan Crespo.

Messi, de 29 anos e cinco vezes eleito o Jogador do Ano, é o melhor marcador da Argentina com 55 gols e, embora tenha jogado em três finais da Copa América em 2007, 2015 e 2016, além da final da Copa do Mundo de 2014, a Argentina perdeu todos os campeonatos.

Apesar de a mídia sugerir que o Barcelona estaria reconsiderando a decisão do jogador, Crespo, 41, disse que agora o foco agora deve ser na garantia de que a Argentina continue sendo uma força e dê o próximo passo para acabar com espera de 23 anos por um título importante.

"A seleção argentina é muito competitiva. Se você assistir os últimos três campeonatos – as duas finais da Copa América e uma Copa do Mundo –  você é competitivo, você chega na final de grandes eventos ", disse ele a repórteres neste sábado.