Bruno Soares promete entregar segredos de parceiro Jamie Murray para ajudar brasileiros

sexta-feira, 5 de agosto de 2016 12:09 BRT
 

Por Martyn Herman

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A lealdade vai até certo ponto quando o orgulho nacional está em jogo, e é por isso que o tenista brasileiro Bruno Soares não tem pudor de compartilhar segredos do jogo de seu parceiro de duplas costumeiro Jamie Murray.

Oitavo do ranking mundial em duplas, Bruno somou forças este ano com o irmão do ídolo britânico Andy Murray, e juntos ele e Jamie criaram uma dinâmica tão eficiente que venceram o Aberto da Austrália em janeiro.

Na Olimpíada do Rio de Janeiro, porém, os irmãos Murray irão jogar juntos pelo Reino Unido e foram sorteados contra a dupla brasileira composta por André Sá e Thomaz Bellucci na primeira rodada do torneio masculino da modalidade, no domingo.

Bruno, que tem grande chance de medalha com o parceiro Marcelo Melo, disse que seu conhecimento das qualidades e fraquezas de Jamie pode ajudar seus compatriotas a surpreenderem os segundos cabeças de chave da Olimpíada.

"Preparei um dossiê completo sobre Jamie e entreguei ao André", disse Bruno nas quadras de treino do Centro Olímpico de Tênis. "Nem Jamie sabe o que eu sei sobre ele".

"Falando sério, André o conhece muito bem, mas eu vou ajudar como puder. É tudo pelo Brasil", acrescentou.

O veterano Sá já fez parceria com Jamie Murray, mas apesar do calibre dos irmãos escoceses acredita que jogar em casa pode fazer a diferença.

"O clima é totalmente diferente. Quando chegamos, todo mundo nos passou uma energia ótima, desde o motorista do ônibus até as camareiras", disse o jogador de 39 anos natural, de Belo Horizonte.