Comitê Rio 2016 deve trocar bandeira chinesa após polêmica

domingo, 7 de agosto de 2016 16:13 BRT
 

Por Brenda Goh

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O comitê organizador da Rio 2016 está buscando substituir as bandeiras da China usadas nas cerimônias de premiação depois que cidadãos chineses reclamaram de falhas nas bandeiras que vêm sendo usadas.

A imprensa chinesa informou que as estrelas nas bandeiras chinesas levantadas durante cerimônias de premiação do tiro e da natação estavam posicionadas incorretamente, levando a reclamações na China.

"Todas as bandeiras usadas pelo comitê Rio 2016 são aprovadas pelos Comitês Olímpicos Nacionais. Estamos trabalhando com a delegação chinesa para encontrar uma solução para essa questão", disse uma porta-voz do comitê organizador à Reuters neste domingo.

O Comitê Olímpico Chinês não respondeu imediatamente aos pedidos por comentários.

A China conquistou seis medalhas nos Jogos até agora. O país chegou à sua primeira medalha de ouro na Rio 2016 neste domingo, com a vitória de Zhang Mengxue no tiro, prova de pistola de ar de 10 metros.

Durante as cerimônias de entrega de medalhas, alguns internautas chineses apontaram que as estrelas nas bandeiras levantadas estavam paralelas entre si. A bandeira correta da China mostra uma grande estrela, com quatro estrelas menores em semicírculo.

"A bandeira é o símbolo de um país, não podemos tolerar nenhum problema", disse um internauta citado pela mídia chinesa.

Existem 306 cerimônias de entrega de medalhas e a porta-voz do comitê organizador disse que os eventos que têm competidores chineses geralmente terão uma bandeira chinesa preparada. A delegação chinesa tem 416 atletas, que competem em 210 eventos de 26 esportes.