Ainda longe de condição ideal, Nadal vence em estreia na Rio 2016

domingo, 7 de agosto de 2016 19:19 BRT
 

Por Drazen Jorgic

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O tenista espanhol Rafael Nadal voltou às competições com uma vitória neste domingo em sua estreia nos Jogos Olímpicos do Rio, mas o ex-campeão olímpico reconheceu que ainda não está no melhor de sua forma depois de ficar fora das quadras por mais de dois meses por causa de uma lesão no pulso.

Terceiro cabeça de chave do torneio olímpico, Nadal superou facilmente o argentino Federico Delboni, 43º no ranking mundial, por 6-2 e 6-1 na primeira rodada, mas o vencedor de 14 torneios de Grand Slam admitiu que não estava em seu melhor.

"O pulso precisa de um pouco mais de tempo para ficar 100 por cento recuperado", disse Nadal, que se retirou do Aberto da França em maio por causa do problema no pulso e, na sequência, desistiu de disputar Wimbledon. "Se não fossem os Jogos Olímpicos, não estaria aqui competindo."

Nadal, medalha de ouro em Pequim 2008 que apenas confirmou sua participação no Rio na semana passada, teve o apoio maciço da torcida brasileira durante a partida.

O espanhol de 30 anos, que perdeu a chance de defender seu título olímpico em Londres por causa de uma lesão no joelho, disse que a dor de ficar fora dos Jogos de Londres o levaram a voltar a competir antes do que esperado.

"Foi duro para mim não competir em Londres, foi uma das decisões mais difíceis da minha carreira. Estive perto de não estar aqui", disse Nadal, que foi o porta-bandeira da Espanha na cerimônia de abertura da Olimpíada na sexta-feira.