Rúgbi da Nova Zelândia é surpreendido pelo Japão em estreia na Rio 2016

terça-feira, 9 de agosto de 2016 14:51 BRT
 

Por Nick Mulvenney e Mark Bendeich

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Nova Zelândia sofreu um dos maiores revezes da história do rúgbi de sete jogadores ao ser derrotada por 14 a 12 pelo Japão na manhã de abertura do torneio masculino da Olimpíada do Rio de Janeiro nesta terça-feira.

Repetindo a vitória de sua seleção de 15 jogadores sobre a África do Sul na Copa do Mundo de Rúgbi no ano passado, os japoneses fizeram por merecer seu êxito sobre os All Blacks, os terceiros cabeças de chave no Rio.

"É inacreditável", disse o japonês Lomano Lemeki. "Você chega a pensar que um time nanico pode vir aqui e derrotar um time que deveria ser candidato à medalha de ouro. Ainda é bem inacreditável, estou chocado, para ser sincero".

Para piorar as coisas para os neo-zelandeses, Sonny Bill Williams, jogador mais destacado do torneio, deixou o campo com uma lesão no tornozelo esquerdo.

Williams, bicampeão mundial com a equipe de 15 homens, sofreu o machucado em uma dividida de bola aos dois minutos do segundo tempo e sinalizou imediatamente para o banco pedindo ajuda.

O Japão é o 10º ranqueado dos 12 times que participam da modalidade no Rio, e o atacante Lote Tuqiri contou que grande parte de seu plano de jogo dizia respeito a impedir que Williams passasse a bola antes da dividida, sua marca registrada.

A Nova Zelândia ainda tem duas partidas a disputar e pode se classificar para as quartas de final da chave C, mas a derrota será um golpe duro na confiança de uma equipe que almeja se tornar a primeira do rúgbi de sete jogadores a conquistar um título olímpico.