Vitória sobre Espanha alivia pressão sobre basquete do Brasil, diz ala Marquinhos

terça-feira, 9 de agosto de 2016 18:53 BRT
 

Por Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A vitória sobre a Espanha na segunda rodada da fase classificatória foi importante para aliviar a pressão sobre a seleção brasileira de basquete masculino, que havia estreado com derrota para a Lituânia, segundo o ala Marquinhos, autor da cesta decisiva.

Nos segundos finais partida, o ala do Flamengo fez a cesta que deu a virada por 66 a 65 sobre os espanhóis com um tapinha debaixo da cesta.

“Nunca imaginei decidir um jogo em casa com um tapinha que não é o meu forte“, disse ele a jornalistas.

“Sem dúvida foi a cesta mais importante de minha vida...a vitória tira a corda do pescoço. A pressão seria muito grande se tivéssemos a segunda derrota em casa em dois jogos. Foi bom para dar moral”, completou.

Marquinhos marcou 10 pontos pela seleção e o cestinha do Brasil foi o armador Marcelinho Huertas, que joga na NBA.

O técnico do Brasil, o argentino Rubén Magnano, elogiou a atuação da equipe.

“Falei depois da derrota para Lituânia que estávamos feridos, mas não mortos. Essa feriada causava uma dor mas não íamos perder o foco. Felizmente, fizemos um bom jogo, sobretudo defensivamente”, disse Magnano, que exaltou a força da defesa brasileira que limitou o pivô adversário Paul Gasol a 13 pontos na partida.

Há quatro anos, em Londres, o Brasil já tinha vencido a Espanha, em uma partida em que se levantou suspeitas de que os espanhóis “facilitaram” para evitar um confronto com os astros dos Estados Unidos.   Continuação...

 
Marquinhos, jogador do Brasil,  celebra lance vencedor em partida contra a Espanha nos Jogos Olímpicos do Rio 2016
09/08/2016
REUTERS/Jim Young