Técnico alemão de canoagem segue em situação grave após acidente de táxi, diz equipe

sábado, 13 de agosto de 2016 11:06 BRT
 

Por Karolos Grohmann

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O técnico alemão de canoagem slalom Stefan Henze ainda está em estado grave cerca de 24 horas após um acidente de carro perto do Parque Olímpico do Rio, afirmaram representantes da equipe neste sábado.

O medalhista de prata nos Jogos de 2004 sofreu lesões na cabeça quando o táxi em que estava com um companheiro de equipe bateu em uma barreira de concreto no bairro da Barra de Tijuca, na manhã de sexta-feira.

"Não houve nenhuma alteração da situação nas últimas 12 horas, o que significa que ele tem lesões muito, muito sérias, e corre risco de morte", afirmou o médico da equipe, Bernd Wolfahrt, a repórteres. "Isto pode ser dito de forma clara."

"Mas por respeito a Stefan Henze e sua família não vamos fazer quaisquer especulações desnecessárias. Estamos esperando os parentes chegarem aqui."

O outro representante da equipe de canoagem, Christian Kaeding, sofreu ferimentos leves e foi tratado brevemente no hospital antes de ser liberado.

Henze foi inicialmente tratado em um hospital próximo, mas teve de ser transferido para outra clínica, que tem um departamento especial de neurocirurgia.

"É claro que toda a equipe tem sido afetada por este terrível acidente e os ferimentos graves sofridos por Stefan Henze", disse o chefe da equipe alemã, Michael Vesper.

"Todo mundo está chocado e todos nós estamos orando e esperando que ele possa ficar melhor em breve."

Segurança e tráfego estão entre as principais preocupações das equipes nos Jogos do Rio.