Ginóbili comemora vitória memorável e fundamental sobre Brasil no basquete olímpico

sábado, 13 de agosto de 2016 21:38 BRT
 

Por Marcelo Androetto

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O argentino Emanuel Ginóbili classificou a vitória por 111 a 107 da seleção argentina de basquete sobre o Brasil na Olimpíada Rio 2016 neste sábado, que garantiu aos argentinos uma vaga nas quartas de final, de "fundamental e memorável".

Com a vitória, a Argentina chegou ao topo da classificação do Grupo B do torneio olímpico, enquanto o Brasil caiu para a quinta posição entre as seis seleções da chave. A Argentina, medalha de ouro em Atenas 2004, bronze em Pequim 2008 e quarta colocada há quatro anos em Londres, deu mais um passo rumo a conquista de mais uma medalha no basquete.

"Tínhamos que ganhar hoje, porque se perdéssemos depois de duas prorrogações, provavelmente teríamos que voltar para casa. Com o enorme desgaste que tivemos, seria muito difícil ganhar da Espanha", disse Ginóbili, se referindo ao próximo adversário da Argentina e a vaga garantida nas quartas.

"Foi uma vitória fundamental e memorável", acrescentou.

O jogador do San Antonio Spurs disse, no entanto, que ainda é cedo para a Argentina "pensar em brigar por uma medalha", mas afirmou que a equipe "está no caminho".

Ginóbili apontou duas figuras da equipe argentina que classificou de fundamentais: Facundo Campazzo e Andrés Nocioni.

"Facundo foi o motorzinho que nos manteve no jogo, a gasolina dele nunca acaba. E ao 'Chapu' precisamos fazer um monumento para ele, o que fizeram foi memorável, 70 pontos somados os dois neste nível não é coisa para todos os dias. Eles nos deram a vitória, foi incrível."

 
Ginóbili em jogo contra o Brasil.  09/08/2016.  REUTERS/Andrej Isakovic