Alison e Bruno Schmidt derrotam dupla dos EUA e avançam para semifinal do vôlei de praia

segunda-feira, 15 de agosto de 2016 17:32 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Os brasileiros Alison e Bruno Schmidt derrotaram a dupla norte-americana Dalhausser e Lucena por 2 sets 1, em uma partida marcada pelos fortes ventos na praia de Copacabana, e avançaram para as semifinais do vôlei de praia dos Jogos Olímpicos do Rio, nesta segunda-feira.

Depois de vencerem a primeira parcial por 21-14, os brasileiros atuais campeões do mundo foram surpreendidos com uma derrota de 21-12 no segundo set e precisaram se superar para ganhar o tiebreak por 15-9 e assegurar presença na partida que vale vaga na final olímpica.

Os próximos adversários da equipe do Brasil serão holandeses, uma vez que duas duplas do mesmo país se enfrentam ainda nesta segunda pelas quartas de final: Brouwer/Meeuwsen e Brouwer/Meeuwsen.

O jogo contra os norte-americanos foi marcado por um vento mais forte que o normal na praia de Copacabana, o que prejudicou as duas duplas, principalmente nos passes.

"Entrou um ciclone aqui, um vento absurdo", disse Bruno Schmidt ao Sportv logo após a partida. "A gente sabia que ia ter que fazer um algo mais e ser criativos, e foi isso que conseguimos".

Alison e Bruno são a única dupla remanescente do Brasil no vôlei de praia masculino na Rio 2016, após a eliminação do time formado por Pedro Solberg e Evandro nas oitavas de final.

No feminino, no entanto, o Brasil já assegurou ao menos uma medalha por ter classificado suas duas duplas para as semifinais, e há a expectativa para uma possível final brasileira entre Talita/Larissa e Ágatha/Bárbara.

(Por Pedro Fonseca)

 
A dupla brasileira Alison e Bruno Schimdt em disputa contra os Estados Unidos pelas quartas de finais nos Jogos Olímpicos do Rio
15/08/2016
REUTERS/Adrees Latif