Robson Conceição ganha inédita medalha de ouro para o Brasil no boxe

terça-feira, 16 de agosto de 2016 19:56 BRT
 

Por Eduardo Simões

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O boxeador brasileiro Robson Conceição conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos Rio 2016 ao vencer o francês Sofiane Oumiha por decisão unânime na final da categoria até 60 kg, nesta terça-feira, fazendo explodir o público dentro da arena montada no Riocentro.

A medalha do baiano de 27 anos é a 11a conquistada pelo Brasil nos Jogos do Rio, a terceira de ouro.

"Essa minha luta diária de trabalhar, acordar cedo, ir para a escola, ajudar minha mãe na feira, hoje eu fui recompensado por isso", disse Robson, de origem humilde, após a vitória.

Com o triunfo sobre o francês, o lutador entra para a história ao conquistar a primeira medalha de ouro olímpica do boxe brasileiro.

Militar da Marinha, o boxeador disse ainda antes da Olimpíada que pretendia passar para o boxe profissional após os Jogos do Rio.

Caso concretize a mudança, ele deixará o boxe amador não só com a medalha de ouro olímpica, mas também com o vice-campeonato mundial em 2013 e a medalha de bronze no Mundial de 2015.

Essa foi a terceira participação olímpica de Robson, após derrotas precoces em Pequim 2008 e Londres 2012, e o boxeador disse que a experiência foi um fator fundamental para sua vitória histórica.

"Eu lutei com muito mais vontade de ser campeão e bem mais experiente. Nas outras duas edições eu era muito novo e não tinha muita experiência", afirmou Robson, que após a vitória correu para abraçar a mulher e a filha na arquibancada.

(Reportagem adicional de Caio Saad)

 
Robson Conceição contra o francês Sofiane Oumiha. 16/08/2016 REUTERS/Peter Cziborra