França leva ouro na prova de saltos por equipe do hipismo; Brasil termina em 5º

quarta-feira, 17 de agosto de 2016 14:41 BRT
 

Por Caroline Stauffer

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A França venceu a competição de saltos por equipe de hipismo da Olimpíada do Rio de Janeiro nesta quarta-feira, conquistando seu primeiro ouro na prova coletiva desde 1976, depois que o Brasil e outras três equipes que haviam começado o dia empatadas na liderança retiraram cavaleiros da disputa ou derrubaram obstáculos.

Os Estados Unidos ficaram com a prata depois que a veterana olímpica Beezie Madden teve que desistir devido a um ferimento sofrido por um cavalo, o que significa que os norte-americanos perderam o benefício de poder descartar o pior resultado entre seus quatro cavaleiros. A estreante olímpica Lucy Davis derrubou um obstáculo e terminou com quatro pontos.

A Alemanha conquistou o bronze depois que seus cavaleiros voltaram para um confronto com o Canadá para desempatar. Daniel Deusser, o terceiro dos quatro alemães a saltar, selou o resultado com uma volta rápida e sem erros, dispensando a participação do último cavaleiro.

Alemanha, Brasil, Holanda e EUA estavam emparelhados antes da última rodada da competição no parque de Deodoro, e a França começou o dia com duas penalidades de tempo sofridas na rodada anterior de saltos.

Mas seus cavaleiros deixaram todas as barreiras intactas e levaram o ouro em um percurso difícil, apesar de algumas penalidades de tempo.

O Brasil terminou na quinta colocação, atrás dos canadenses, depois que todos seus três cavaleiros ainda na disputa derrubaram um obstáculo cada.

A quarta-feira também serviu como uma terceira classificatória para a competição individual, que decidirá as medalhas na sexta-feira. O Brasil classificou três cavaleiros.

 
Cavaleiro francês Kevin Staut nos Jogos Rio 2016. 17/08/2016 REUTERS/Tony Gentile