Polícia do Rio diz que nadadores dos EUA não foram roubados; confirma que arma foi apontada a atleta

quinta-feira, 18 de agosto de 2016 16:35 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O chefe da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Fernando Veloso, disse nesta quinta-feira que os nadadores norte-americanos que disseram ter sido assaltados durante os Jogos Olímpicos não foram roubados, mas confirmou que uma arma foi apontada por um segurança durante uma confusão dentro de um posto de gasolina.

Veloso afirmou, em entrevista coletiva, que a conclusão preliminar da investigação indica que os nadadores provocaram vandalismo em um posto de gasolina, após saírem de uma festa de madrugada no Rio e se envolveram em uma confusão com seguranças do estabelecimento.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

 
Vídeo mostra imagens de nadadores dos EUA em posto de gasolina
14/8/2016  Cortesia TV Globo/ Via Reuters