Isinbayeva anuncia aposentadoria e diz que IAAF será julgada por Deus

sexta-feira, 19 de agosto de 2016 14:40 BRT
 

Por Mark Trevelyan

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A russa Yelena Isinbayeva, bicampeã olímpica do salto com vara, anunciou nesta sexta-feira a aposentadoria do esporte e afirmou que Deus é quem vai julgar se a Associação Internacional das Federações de Atletismo (IAAF) agiu corretamente ao excluir a Rússia das provas de atletismo dos Jogos do Rio.

"Hoje, 19 de agosto de 2016, no Rio, Yelena Isinbayeva está encerrando sua carreira profissional, essa é a minha declaração", disse a russa a repórteres em entrevista coletiva durante a Olimpíada.

"Estou muito feliz por ter realizado meus sonhos, conquistei todas as medalhas possíveis, todos os títulos possíveis, conquistei a confiança e o amor de todos os fãs pelo mundo", acrescentou.

Sobre a decisão da IAAF de suspender a Rússia das provas de atletismo dos Jogos do Rio, em consequência de uma investigação independente a respeito de um esquema de doping com apoio do governo, ela afirmou: "Eu vou perdoá-los e Deus será o seu juiz".

 
Atleta russa Yelena Isinbayeva acena da tribuna do Centro Aquático Maria Lenk no Parque Olímpico do Rio de Janeiro
16/08/2016 REUTERS/Michael Dalder