August 19, 2016 / 10:17 PM / a year ago

Governo diz que turismo estrangeiro para Olimpíada alcançou previsão de meio milhão de pessoas

3 Min, DE LEITURA

Turista dos EUA tira fotos do Parque Olímpico do Rio.Nacho Doce

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Pelo menos 500.000 visitantes estrangeiros vieram ao Brasil para a Olimpíada no Rio de Janeiro, informou o governo nesta sexta-feira, citando dados recentes de entradas de turistas no país que alcançam a previsão feita bem antes dos Jogos.

De acordo com dados recolhidos pela Polícia Federal em pontos de imigração, divulgados à Reuters pelo Ministério do Turismo, um total de 572.961 estrangeiros entrou no Brasil entre 1° de julho e 15 de agosto.

Apesar de os Jogos terem começado em 5 de agosto, os números começaram a ser contabilizados antes para dar conta da chegada de muitos atletas, funcionários e outros estrangeiros antes das competições.

Com base em um levantamento separado do Ministério do Turismo, que mostrou que cerca de 84 por cento dos que chegaram nas últimas semanas estavam vindo principalmente para a Olimpíada, o governo brasileiro diz acreditar que a previsão de meio milhão foi alcançada e possivelmente superada.

“As previsões estavam certas e podem possivelmente terminar sendo menores do que o número total”, disse o Ministério do Turismo, por meio da assessoria de imprensa.

Apesar dos muitos assentos vazios nos estádios olímpicos durante os Jogos, que terminam no domingo, visitantes estrangeiros estão bastante presentes no Rio de Janeiro nas competições, praias, restaurantes e pontos turísticos.

Alguns brasileiros buscaram colocar a culpa dos assentos vazios na falta de estrangeiros devido à publicidade ruim antes do evento, do temor em relação ao Zika vírus às preocupações com crime e violência.

No entanto, os dados de imigração indicam que a procura dos estrangeiros foi alta.

Dos cerca de 6,1 milhões de ingressos para os Jogos, organizadores dizem que 70 por cento foram reservados para os brasileiros. Cerca de 87 por cento de todos os ingressos foram vendidos, mas ao redor de 10 por cento dos vendidos foram comprados por pessoas que não compareceram.

Alguns assentos ficaram vazios porque um plano de autoridades locais para distribuir ingressos para escolas e instituições de caridades não resultou no comparecimento de mais pessoas, numa cidade onde o transporte é caro e ineficiente para muitos das classes mais baixas.

“Não está realmente claro a razão do não comparecimento, mas da perspectiva das vendas a demanda foi boa”, afirmou Phil Wilkinson, porta-voz do comitê organizador.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below