August 23, 2016 / 4:16 PM / a year ago

Justiça do Rio diz que não há audiência marcada para ex-membro do COI preso por venda ilegal de ingressos

1 Min, DE LEITURA

Foto de arquivo de Patrick Hickey (E), membro do Comitê Olímpico Internacional (COI), ao lado do presidente da entidade, Thomas Bach (D), em Frankfurt 20/05/2016Kai Pfaffenbach/Files

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Justiça do Rio de Janeiro informou nesta terça-feira que não há data para uma audiência para Patrick Hickey, ex-membro do Comitê Olímpico Internacional (COI) preso na semana passada por acusações de participação em esquema de venda ilegal de ingressos da Rio 2016.

O irlandês de 71 anos foi preso durante operação na semana passada no hotel de luxo em que estava com sua esposa e membros do COI.

Ele teve fiança negada por uma juíza brasileira e foi transferido para Bangu, complexo penitenciário no Rio.

Alguns relatos na imprensa apontaram anteriormente que Hickey iria se apresentar perante juíz na terça-feira, mas a Justiça do Rio informou que nenhuma audiência foi marcada.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below