Lateral do PSG Aurier é condenado a 2 meses de prisão, diz advogada

segunda-feira, 26 de setembro de 2016 08:42 BRT
 

PARIS (Reuters) - Um tribunal francês condenou nesta segunda-feira o lateral-direito do Paris Saint-Germain Serge Aurier a 2 meses de prisão por se envolver em uma confusão com a polícia quando deixava uma boate em maio, disse a advogada do jogador.

O lateral da seleção da Costa do Marfim, que se declarou inocente por acusações de agir de forma violenta contra um policial, permanecerá em liberdade, cabendo recurso. Aurier, de 23 anos, também foi multado em 600 euros.

A polícia informou que a confusão ocorreu pouco antes do amanhecer, após Aurier deixar uma boate na região de Champs Elysées, em Paris.

"Estamos recorrendo. O sr. Aurier contesta as afirmações. Ele não é culpado e deve ser absolvido", disse a advogada Claire Boutard de la Combe a repórteres.

Aurier foi suspenso do PSG em fevereiro por diversas semanas após insultar o então técnico Laurent Blanc.

(Reportagem de Brian Love)

 
Lateral Serge Aurier antes de partida na Liga dos Campeões.    13/09/2016
Reuters / Benoit Tessier
Livepic