Totti completa 40 anos e diz ter chegado perto de assinar com Real Madrid

terça-feira, 27 de setembro de 2016 15:31 BRT
 

ROMA (Reuters) - Francesco Totti jogou sob comando de 17 técnicos diferentes na Roma, mas o meia-atacante, que celebra seu aniversário de 40 anos nesta terça-feira, disse que nunca brigou com nenhum deles.

Totti, que marcou seu 250° gol no Campeonato Italiano pelo clube no domingo, está em sua 25a temporada no único clube profissional em que jogou e há especulações sobre sua grande influência nos bastidores.

Mas o italiano campeão mundial em 2006, que de acordo com o ex-técnico da Roma Rudi Garcia seria mais popular em Roma do que o papa, minimizou sua influência em entrevista.

"Eu não tenho o comando sobre ninguém, respeito todos", disse. "Meu segredo é minha paixão...".

"Nunca briguei com nenhum técnico, é claro que houve discussões, mas nada além disso. Nunca derrubei um técnico e nunca fiz o clube assinar com um técnico que eu gostasse. Tenho grande respeito por todos."

Os técnicos que já comandaram o italiano incluem Cesare Prandelli; o atual técnico do Leicester City, Claudio Ranieri, Rudi Voeller e o atual técnico do Barcelona, Luis Enrique.

Totti, que fez sua estreia sob Vujadin Boskov com 16 anos, em 1993, disse que o mais perto de deixar a Roma foi em 2003, sob o comando de Fabio Capello.

"Quando Capello estava aqui, estive muito perto de ir para o Real Madrid", disse. "Mas minha família e amigos me fizeram refletir sobre isto e me disseram que existem muitas coisas aqui que não encontraria em Madri, então decidi ficar em Roma".

(Por Brian Homewood)

 
Totti acena para torcida da Roma em jogo contra o Chievo Verona. 08/05/16.    REUTERS/Tony Gentile