Natação garante ao Brasil recorde de mulheres em Pequim

terça-feira, 1 de julho de 2008 18:57 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A classificação das equipes de revezamento feminino 4x100 metros livre e medley do Brasil para os Jogos de Pequim, confirmada nesta terça-feira, garante ao Brasil o recorde de participação feminina numa Olimpíada, informou o Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

A delegação brasileira tem até o momento 127 mulheres classificadas para os Jogos, em um total de 270 atletas. O recorde anterior era dos Jogos de Atenas-2004, quando o Brasil teve 122 mulheres em ação.

Os dois quartetos se garantiram entre os 16 competidores olímpicos em suas respectivas provas devido aos tempos marcados no Troféu Maria Lenk, em maio, no Rio de Janeiro. As equipes conseguiram ficar entre as quatro melhores da repescagem mundial.

Com as novas classificações, anunciadas pela Federação Internacional de Natação (Fina), a equipe brasileira de natação também terá participação recorde em Pequim, com 24 atletas, ante 23 de 2004. O número de mulheres também é superior ao da Grécia, 10 contra 8.

As 12 primeiras vagas dos revezamentos na Olimpíada de Pequim foram dadas aos primeiros colocados do último Mundial de Natação, em 2007, na Austrália. No masculino, o Brasil conseguiu classificar-se dessa forma.

A equipe brasileira do 4x100m livre será formada por Tatiana Lemos Barbosa, Monique Ferreira, Michelle Lenhardt e Flávia Delaroli, além da reserva Julyana Kury. No medley, Tatiane Sakemi, (peito), Fabíola Molina (costas), Gabriella Silva (borboleta) e Tatiana Lemos (livre) disputarão os Jogos.