Equipe Toro Rosso garante estabilidade para 2009

terça-feira, 1 de julho de 2008 17:51 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A equipe Toro Rosso está com estabilidade assegurada para o ano de 2009, apesar de um dos donos, Dietrich Mateschitz, pretender vender sua parte na escuderia, disse o chefe da equipe, Franz Tost, nesta terça-feira. "Os rumores sobre a venda da equipe começaram a crescer fortes novamente no começo da temporada, e isso nos afetou, mas apenas por um curto tempo", disse Tost, antes do Grande Prêmio da Inglaterra, que acontece no domingo.

"Se toda semana há uma história de que a equipe será vendida, não é muito engraçado para os empregados", disse.

"Mas a mensagem que temos de Dietrich Mateschitz é clara: em 2009 tudo continuará estável, não apenas em termos de emprego, mas também em termos de orçamento", disse Tost, em uma prévia da corrida de Silverstone, que marca a metade da temporada de 2008.

"Então, depois de 2010 veremos o que vai acontecer", acrescentou.

Mateschitz, o bilionário austríaco dono da empresa de bebidas energéticas Red Bull, disse em março que venderia sua parte na Toro Rosso antes de 2010 por causa de uma mudança no regulamento que obriga todas as equipes a construírem e desenvolverem seus próprios carros.

Os carros da Toro Rosso e da Red Bull Racing são ambos desenvolvidos pela Red Bull Technology, comandada pelo ex-diretor técnico da McLaren Adrian Newey.

A britânica Motorsport, da Fórmula Três, disse no mês passado que negociava a compra de uma parte da italiana Toro Rosso, que tem como um de seus donos o ex-corredor austríaco Gerhard Berger.

(Reportagem de Alan Baldwin)