Antes de Olimpíada, Pequim proíbe o fumo dentro de táxis

terça-feira, 2 de outubro de 2007 15:54 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - Após uma série de medidas para melhorar a imagem da cidade antes dos Jogos Olímpicos de 2008, Pequim proibiu o fumo dentro de seus táxis, informou a mídia estatal nesta terça-feira.

A partir deste mês, os motoristas que forem pegos fumando dentro dos táxis serão multados em até 200 yuans (26,95 dólares), segundo a agência de notícias oficial Xinhua. Os passageiros também estão proibidos de fumar.

Pequim, preocupada em garantir que nada prejudique a imagem da cidade antes das Olimpíadas, lançou uma série de medidas de etiqueta para os motoristas nos últimos meses, entre elas regras para cuspir, fazer fila e jogar lixo.

O governo da cidade também está estudando uma série de regras para proibir o fumo e a venda de cigarros em instalações olímpicas e nas acomodações dos atletas, informou uma importante autoridade de saúde de Pequim.

O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, disse, em 2004, quando se encontrou com o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Lee Jong-Wook, que uma Olimpíada "sem fumo" estava no topo da agenda das preparações do país, informou a Xinhua.

A capital chinesa começou em abril a proibir o fumo em hospitais, escolas, restaurantes, escritórios do governo e outras áreas para ajudar a cumprir o compromisso, acrescentou a reportagem.

Os chineses são os fumantes mais entusiastas do mundo, com um mercado crescente de mais de 300 milhões de pessoas, tornando-se um imã para as companhias de tabaco e um centro de preocupação mundial quanto à saúde de seus habitantes.

(Por Vivi Lin)